Vespas



Vespas

Generalidades

As vespas alimentam-se de frutos (maçãs, pêras e ameixas). No Outono, os machos e as rainhas eclodem e acasalam, os machos morrem logo de seguida, as rainhas fecundadas sozinhas hibernam (nos antigos ninhos, partes em madeira das casas, anexos, caves, águas furtadas e celeiros...) e emergem na Primavera para construirem um novo ninho no solo, em edifícios, numa árvore ou num arbusto. Estes ninhos são constituídos por uma espécie de papel em cartão extremamente característico, que a rainha fabrica mastigando restos de madeira e de vegetais com saliva. Este material constitui uma protecção térmica (regulação da temperatura interna) e mecânica (contra as agressões).

As larvas eclodem alguns dias depois da expulsão dos ovos e são, ao início, alimentadas pela rainha. Após algumas semanas, desenvolvem um casulo sedoso e encerram-se a si mesmas num alvéolo para se submeterem à ninfose. Seis semanas após a expulsão dos ovos emerge a primeira geração de obreiras: são fêmeas, mais pequenas que a rainha.

As obreiras recentemente eclodidas retomam o testemunho da rainha para aumentarem e manterem o ninho, cuidarem e alimentarem as larvas e procurarem comida. Elas adicionarão células radiais da inicialmente construída pela rainha, sendo que um ninho pode incluir até 8 andares. Elas procuram, para as larvas, alimentos com alto teor em determinadas proteínas (moscas, lagartas, aranhas...) e, em troca, as larvas exsudam uma secreção açucarada extremamente nutritiva que fornece um complemento alimentar com frutos habitualmente consumido pelas obreiras.

Um ninho pode conter até 20.000 indivíduos. Com a chegada do mau tempo, os ninhos morrem com as obreiras ao passo que as rainhas fecundadas entram em hibernação.

Clique aqui para solicitar um orçamento grátis.